Notícias

12 de Março de 2015

Dia Mundial do Rim

Você sabia que hoje é comemorado o dia do Rim? O foco é alertar a população com relação a adoção de hábitos saudáveis, ingestão de água, mudança de estilo de vida e auto cuidado das doenças crônicas não transmissíveis, como hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus e obesidade. 

Cuidados com os rins

O simples cuidado de ingerir mais vegetais frescos, crus, além de alimentos mais integrais, já impedem notavelmente o desenvolvimento de dificuldades renais. Bons exemplos são as raízes e sementes, ricas em sais minerais. As folhas verdes como as couves e alfaces, as crucíferas como o repolho e o brócolis, as ervas verdes como o chá verde e a salsa. Dentre as frutas as mais indicadas são as de elevado teor de ácido cítrico como os limões e o tamarindo. Veja alguns outros cuidados:

1) No inverno os rins estão mais “yin”. Ou seja, menos ativos, tempo de parada e renovação. É o momento do ano em que eles estão mais vulneráveis e fragilizados. Portanto, todo cuidado é pouco. O certo neste momento é consumir os alimentos típicos do inverno de seu país ou cidade. São as raízes, as sementes que precisam ser integrais e previamente germinadas, as frutas cítricas, as crucíferas e as folhas de cor verde bem escuro;

2) Durante todo o ano praticar uma dieta rica {50% mínimo) em alimentos crus, frescos, integrais, com elevado teor de fibras e substâncias antioxidantes, logicamente isentos de agrotóxicos. Raízes e sementes germinadas são os maiores aliados dos rins;

3) Praticar pela manhã em jejum e ao longo do dia (no intervalo das refeições principais), os sucos clorofilados e desintoxicantes;

4) Fazer uso de chás diuréticos com ervas frescas como folhas de abacateiro, quebra-pedra, cabelo de milho, capim-limão, boldo, carqueja, erva-doce e salsa. Preparo: deixe em infusão por 10 minutos 1 colher (sopa) da(s) erva(s)/litro de água fervente. No inverno estes chás são muito bem vindos, pois são porções pequenas de líquido, mas com o diferencial de ser tônico para os rins.

5) Consumir diariamente um total 8 copos de líquidos entre sucos, chás, água e os alimentos crus que contém naturalmente cerca de 80% de água. Lembrar que no inverno esta necessidade será menor pois o corpo transpira menos e os rins estão em momento "yin" de descanso. Portanto, esta é a época do ano quando mais se deve evitar consumir excesso de sal e valorizar a qualidade dos líquidos que se toma;

6) Durante todo o ano buscar reduzir o consumo de sal, açúcar refinado, doces processados, massas refinadas, proteína e gordura animal;

7) Praticar atividades físicas moderadas e regulares para tonificar coração, pulmões e ossos, pois eles estando bem, menor esforço de compensação irão causar aos rins. Ideal que sejam ao ar livre para receber o estímulo da luz solar sobre a vitamina D e;

8) Massagear sempre que lembrar, com movimentos circulares, toda a região lombar, que vai desde a cintura até o cóccix.

Importante

Faça a avaliação anual de saúde com um médico de sua confiança e não esqueça, há sintomas silenciosos que só os exames laboratoriais podem identificar!

Fonte: Doce limão
voltar